quarta-feira, fevereiro 08, 2006

Bailarico



O verdadeiro sentido da democracia está no bailarico, na festarola, no pézinho a arrastar para a dança. Ninguem é excluido... todos dançam com todos, as velhas dançam umas com as outras, os putos cantam e a malta bate palmas e os cães correm como loucos.

O sentimento português conhece no arraial popular a expressão mais genuína: Amanhã logo se vê, pá!! enquanto se assam as febras e se bebe um copo de tinto não há défices, nem dívidas, nem nada... há festa!!

... é por isto que eu gosto de ser português.

2 comentários:

musqueteira disse...

Viva HM,
Muito bem visto...essa do bailarico Lusitano é um bom retrato. Já Mário Eloy... fez um quadro intitulado "O Bailarico do Bairro"... estava ele inspirado nas Ruas da nossa Lisboa...Alfama!;)

Anita disse...

O menino dança?! ;)

 

page counters